Quinta, 16 de Setembro de 2021 17:49
35°

Poucas nuvens

Virgem da Lapa - MG

Geral Minas Gerais

Romeu Zema anuncia obras de recuperação da BR-367, no Vale do Jequitinhonha

Em Capelinha, governador detalha investimentos de R$ 61,9 milhões em importantes rodovias da região; mais de mil empregos serão gerados

09/09/2021 17h30
Por: Redação Fonte: Secom Minas Gerais
Gil Leonardi / Imprensa MG
Gil Leonardi / Imprensa MG

O governador Romeu Zema anunciou, nesta quinta-feira (9/9), em Capelinha, no Vale do Jequitinhonha, obras de recuperação funcional da BR-367 e em outros trechos rodoviários na região. As intervenções, aguardadas há muito tempo pela população, vão melhorar a mobilidade do tráfego entre Minas Gerais e outros estados, favorecendo o desenvolvimento da região do Jequitinhonha. Ao todo, serão investidos R$ 61,9 milhões nas obras, com previsão de geração de mais de mil empregos diretos e indiretos.  

As obras serão realizadas em cinco trechos da BR-367 e outras rodovias da região, contemplando mais de 180 quilômetros que estão sob a responsabilidade do Governo de Minas, via Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DER-MG). Os recursos aplicados são fruto do Termo de Reparação com a empresa Vale, pelo rompimento da barragem em Brumadinho, em janeiro de 2019.

Zema destacou a importância do trabalho que tem feito à frente do governo mineiro para conseguir retomar diversas obras paralisadas e reduzir, segundo ele, o “cemitério de obras” que Minas Gerais se tornou.

“Estamos em um momento especial que é o início das obras de recuperação da BR-367, cujo estado de manutenção está sofrível há alguns anos. Sempre recebo vídeos, fotos e reclamações a respeito da manutenção dessa via. É um desrespeito com a região uma estrada nessa situação. Mas estamos reduzindo o cemitério de obras pelo Estado. E vamos recuperar mais de 180 quilômetros desta estrada, que é a parte que cabe ao estado de Minas. Trata-se de uma obra orçada em mais de R$ 60 milhões” afirmou o governador, lembrando que solicitou ao governo federal, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), agilidade na recuperação do trecho sob responsabilidade da União.

Empregos

O secretário de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato, destacou que, além do investimento para a recuperação de uma importante rodovia da região, as obras devem gerar cerca de 250 empregos diretos e outros cerca de 900 indiretos, impulsionando a economia local.

“A BR-367 é a rodovia mais demandada e que traz mais transtorno para a população. Ficamos felizes em iniciar este projeto que é a recuperação integral do trecho que está sob jurisdição estadual. Teremos condições, em cinco lotes, de resolver esta situação, colocando uma nova camada de asfalto em toda a extensão, melhorando as sarjetas, a drenagem e dando uma rodovia e uma infraestrutura que o Vale do Jequitinhonha merece e precisa. Além da melhoria de logística, haverá geração de emprego e renda na região”, ressaltou Fernando Marcato.

Desenvolvimento

A BR-367 é um relevante corredor de transporte turístico e também de cargas. A rodovia, que tem o maior índice de reclamação da população devido à má conservação, irá passar por intervenções em vários trechos, melhorando o acesso da região Central ao Jequitinhonha e ao Sul da Bahia, por exemplo. 

O prefeito de Capelinha, Tadeuzinho, valorizou o início das obras. “O recapeamento da BR 367 é de extrema importância para nós, tendo em vista que nem só de Capelinha, mas de toda a região, saem veículos como vans, ônibus e ambulâncias e enfrentam as estradas que estão em situação quase intransitáveis. Agora vamos mudar a história da nossa região. Tornar esta rodovia transitável trará muito mais desenvolvimento”, disse.

O deputado federal Igor Timo também ressaltou o desenvolvimento que a obra trará para o Vale do Jequitinhonha. “Esta obra estruturante, muito mais do que qualidade de vida para a população, traz a perspectiva de um desenvolvimento social”, disse.

Já deputado estadual Gustavo Valadares falou sobre o momento de retomada do desenvolvimento em Minas Gerais. “Estamos comemorando a volta das obras de infraestrutura no nosso estado, das obras viárias. Esta estrada que estamos investindo é fundamental para a nossa região”, finalizou.

Também participaram da cerimônia os deputados estaduais Arlen Santiago, Gustavo Santana e Tito Torres, além dos secretários de Estado de Governo, Igor Eto, de Saúde, Fábio Baccheretti, e de Desenvolvimento Social, Elizabeth Jucá, prefeitos e vereadores da região e demais autoridades civis, militares e locais.

Trechos

A primeira obra, com início imediato, será no entroncamento para Carbonita – entroncamento Bocaiuva, com 24,9 quilômetros de extensão. Somente nesta intervenção serão investidos R$ 6,2 milhões.

As obras nos outros quatro trechos terão início nos próximos meses. São elas:

. Entroncamento para Bocaiúva – Couto Magalhães de Minas (41 quilômetros);

. Couto de Magalhães – Diamantina (30,4 quilômetros);

. Entroncamento para Turmalina – Entroncamento para BR-451 (60,4 quilômetros)

. Araçuaí – Virgem da Lapa (31,2 quilômetros)