12°C 29°C
Virgem da Lapa, MG

Governo de Minas assina acordo com Israel para desenvolvimento econômico e combate ao antissemitismo

Protocolos vão reforçar a parceria entre o estado e o país na área econômica e contra o preconceito

08/07/2024 às 15h51
Por: Redação Fonte: Secom Minas Gerais
Compartilhe:
Cristiano Machado / Imprensa MG
Cristiano Machado / Imprensa MG

O Governo de Minas assinou, nesta segunda-feira (8/7), dois documentos em parceria com o Ministério das Relações Exteriores do Estado de Israel, para fortalecer a relação entre o estado e o país. 

Um é o protocolo de intenções de cooperação mútua, e o outro é o que reconhece a definição internacional de antissemitismo, que busca combater este tipo de crime no estado. 

A cerimônia de assinatura foi realizada no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, e contou com a presença do governador Romeu Zema; do embaixador do estado de Israel no Brasil, Daniel Zonshine; do secretário de Estado da Casa Civil , Marcelo Aro; da secretária de Estado Adjunta de Desenvolvimento Econômico , Kathleen Garcia, entre outras autoridades.

Combate ao antissemitismo

O governador assinou o documento com a definição internacional de antissemitismo, que determina que Minas Gerais adote o protocolo da Aliança Internacional de Memória do Holocausto (IHRA) de antissemitismo.

Por meio da definição, também fica acordado que Minas Gerais deve abordar e prevenir atividades relacionadas a preconceitos motivados por antissemitismo. Essa definição se fez necessária após as ameaças de ataques terroristas contra prédios da comunidade judaica no Brasil, no ano passado. A finalidade deste documento é educacional e de reconhecimento histórico. Não prevê despesas orçamentárias e não há regramentos específicos decorrentes da definição.

O conceito de antissemitismo se refere a manifestações verbais e físicas direcionadas a indivíduos judeus ou não judeus e/ou suas propriedades, a instituições da comunidade judaica e instalações religiosas judaicas. “Tivemos a infelicidade de termos no Brasil diversas declarações, inclusive de autoridades, com conotações antissemitas. E nós, mineiros, nos posicionamos totalmente contrários a isso. O ser humano deve ser respeitado em toda sua plenitude, independentemente de cor, raça, crença religiosa, ou de qualquer outra questão. Somos todos iguais”, destacou o governador. 
 

 

"Somos um governo que abomina discriminação, discurso de ódio ou qualquer outra atitude dessa natureza", afirmou Romeu Zema.

 
  
  


Para o o embaixador do estado de Israel no Brasil, Daniel Zonshine, o documento reforça a luta contra o antissemitismo no estado. 

“Esse documento é importante pois é um fenômeno que preocupa a todos nós e tem de ser combatido. Além de facilitar a identificação do antissemitismo, essa assinatura cria ferramentas para lutar contra isso, fortalecendo essa luta”, disse. 

Relação Minas-Israel

Também foi assinado o protocolo de intenções, com o Ministério das Relações Exteriores do Estado de Israel, que define o interesse de Minas Gerais e o Estado de Israel em promover atividades em conjunto, com perspectivas de coperação entre as partes. 

Essas atividades podem ser desenvolvidas em diversas áreas como agricultura, recursos hídricos, educação, segurança pública, ciência e tecnologia. O protocolo define a criação de grupos de trabalho compostos por autoridades e especialistas técnicos para desenvolver projetos de cooperação e colaboração nas áreas. 

“Temos um grande potencial de comércio entre Minas e Israel e precisamos que explorar isso. Além do café que Minas envia para Israel, temos outros setores e serviços que também são importantes e podem ser relevantes nessa relação”, ressaltou o embaixador.

Em 2023, o fluxo comercial entre Minas Gerais e Israel foi de US$ 50,6 milhões, com as exportações somando US$ 23,6 milhões e as importações US$ 27,09 milhões. O objetivo do acordo é abrir as portas para o país e ampliar o fluxo comercial. 

“Quero ressaltar que esse fluxo comercial ainda é pouco. Temos muito o que fazer para aumentar, ainda mais, essa relação entre Israel e Minas Gerais. Estamos aqui de portas abertas, com o maior interesse. E a comunidade judaica sabe que nós temos aqui um governo com as portas abertas para recebê-los, para dialogar. Temos o maior respeito por essa nação, cujo povo talvez tenha sido um dos mais perseguidos em toda a história. Contem conosco”, complementou o governador.
 

Virgem da Lapa, MG
28°
Tempo limpo

Mín. 12° Máx. 29°

27° Sensação
2.49km/h Vento
21% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h18 Nascer do sol
05h31 Pôr do sol
Ter 30° 13°
Qua 29° 17°
Qui 29° 14°
Sex 32° 14°
Sáb 30° 14°
Atualizado às 13h06
Economia
Dólar
R$ 5,44 +0,22%
Euro
R$ 5,93 +0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,02%
Bitcoin
R$ 366,619,99 +10,36%
Ibovespa
129,365,84 pts 0.36%