Segunda, 23 de Maio de 2022
18°

Poucas nuvens

Virgem da Lapa - MG

Geral Minas Gerais

Produção de sabonetes artesanais apresenta novas perspectivas para adolescentes em cumprimento de semiliberdade em BH 

Curso de saboaria artesanal e aromatizantes, ministrado na Casa de Semiliberdade Planalto, gera possibilidade de renda para os socioeducandos

20/04/2022 às 09h55
Por: Redação Fonte: Secom Minas Gerais
Compartilhe:
Sejusp / Divulgação
Sejusp / Divulgação

Sejusp / Divulgação
Sejusp / Divulgação

Jovens que cumprem medidas socioeducativas aplicadas pela Justiça estão aprendendo a produzir materiais de higiene pessoal, em um curso de saboaria artesanal e aromatizantes na Casa de Semiliberdade Planalto, instalada no bairro São Francisco, na região da Pampulha, em Belo Horizonte.

A capacitação traz reflexões sobre o mundo do trabalho e busca fortalecer o empreendedorismo, já que a fabricação de sabonetes pode se configurar em uma forma de o jovem gerar renda futuramente, comercializando kits para presentes, decoração de ambientes e outras possibilidades de produção.  

Com conteúdos práticos e teóricos, os alunos são estimulados a criar novas formulações para a confecção dos sabonetes artesanais, orientados na escolha de insumos e utensílios e capacitados para calcular a precificação de seus produtos. Ao final, os participantes recebem um certificado de 20 horas/aula.

Desde o início do curso, em 2021, mais de 20 adolescentes já foram contemplados, sendo que alguns buscaram auxílio da equipe após as aulas para comprar os produtos e replicarem o aprendizado em casa, com o auxílio da família. 

A intenção também é multiplicar a capacitação para os familiares interessados, dentro da unidade, que é gerida pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) , em parceria com o Instituto Jurídico para Efetivação da Cidadania e Saúde - Avante Social. 

A atividade é ministrada pela socioeducadora da unidade, Patrícia Barcelos, que já fabricou e vendeu sabonetes. Ela viu que era possível multiplicar o seu conhecimento para os jovens, para que possam empreender no ramo, caso se interessem. “Já fazia o sabonete artesanal de argila e trouxe mais opções, como aveia e mel e aromatizador de ambiente. Queremos iniciar também com o sabonete líquido e o aromatizador de carro”, planeja Patrícia.  

Sejusp / Divulgação
Sejusp / Divulgação


Para Edilton Rocha, diretor-geral da Casa de Semiliberdade Planalto, além de trazer uma qualificação profissional, o curso tem também um efeito terapêutico. “A forma como a Patrícia desenvolve tem um efeito lúdico, do aprender se divertindo, o que contribui para que haja uma boa adesão do grupo”, observa.   

Cheiro de Afeto 

Em parceria com as oficinas de grafite e de incentivo aos estudos, os adolescentes desenvolveram a própria marca do projeto, que denominaram “Cheiro de Afeto”. 

Em seu primeiro contato com a fabricação de sabonetes artesanais, Gustavo Pietro*, de 15 anos, conta que o curso lhe permite fazer planos. “Gostei muito. Recebemos certificado e dá para pensar numa profissão futura”, destacou.  

Virgem da Lapa - MG Atualizado às 10h26 - Fonte: ClimaTempo
18°
Poucas nuvens

Mín. Máx. 28°

Ter 28°C 13°C
Qua 27°C 14°C
Qui 28°C 13°C
Sex 29°C 14°C
Sáb 29°C 15°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes